Cuiabá, Domingo, dia 19 de Novembro de 2017
Busca: 
Quem Somos Jurisprudência Promotoras Legais Peças Processuais Livros Projetos e Campanhas Homenagens Agenda Copevid

Pedofilia no Brasil e no Mundo

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Mato Grosso:Polícia prende avô que abusa sexualmente de quatro netas
01/04/12 

A Polícia Civil de Lucas do Rio Verde prendeu, ontem, um homem, 65 anos, no município de Terra Nova do Norte, acusado de abusar sexualmente de quatro netas. O acusado teve a prisão temporária (30 dias) expedida pela Justiça local. O delegado Marcelo Torhacs explicou que esta prisão poderá ser renovada por igual período ou convertida em preventiva, com duração até a finalização do procedimento investigatório.

O delegado afirmou que, há alguns dias, recebeu denúncia dos supostos crimes praticados pelo acusado contra as netas. "Segundo apurado, os fatos ocorriam há várias anos, tendo se iniciado em uma agrovila pertencente ao município de Terra Nova do Norte. Esses atos perduraram durante aproximadamente dez anos, sendo que, atualmente, o avô bolinava com a neta de 9 anos", explicou.

Ainda segundo o delegado, a investigação demonstrou que, como forma de intimidar as netas, enquanto eram crianças e adolescentes, ele portava arma de fogo e, por vezes, sob efeito de álcool, efetuava disparos e ainda corria atrás da mulher e das netas com a arma em punho. "Além de ameaçar as vítimas, o investigado as desestimulava a relatar os fatos, alegando que ninguém acreditaria nelas. Esses estratagemas fizeram com que os atos de violência sexual permanecessem impunes por vários anos".

Torhacs informou que cada crime de estupro de vulnerável possui pena entre oito e 15 anos de reclusão. Em se tratando de vários crimes, contra várias vítimas, essas penas são acumuladas.

Nome:
E-mail:
Título:
Comentário:
Comentários Envie o seu
 
Justiça
Autor: Francini Alonso Dia 13/10/2012 - 01:33
Ótima a matéria, porém o criminoso passou só uns dias na cadeia, e já está de volta nessa agrovila, soube por um amigo, que dias atrás esse individuo esfaqueou um outro senhor, ambos estavam bêbados, a casa dele, é ao lado de uma escola rural, e a mesma é aberta à comunidade, ou seja está fácil ele fazer outras vítimas. Atualmente moro em Minas Gerais, e crimes como esse não são deixados em brancos, aqui acusados desse tipo pagam pelos crimes, Mato Grosso é minha segunda casa, mas é uma pena saber, que é um Estado sem leis, onde ninguém paga pelos crimes, esse caso, é o segundo que eu conheço de perto, o primeiro caso foi um vizinho que abusava da própria sobrinha, depois foi confirmado que ele abusou de outras sobrinhas, e este também passou só uns dias na cadeia e foi solto, logo depois ele fugiu para o Maranhão, sua terra natal, e ninguém se tem notícias, agora é certo crimes bárbaros como esses ficarem impunes?? Acorda Brasil, deixo aqui minha indignação para como as leis brasileiras!
Mais Pedofilia no Brasil e no Mundo
10/05/12
Câmara Federal aprova lei em favor de vítimas de pedofilia, Magno Malta comemora
PALESTRA EM ENCONTRO NACIONAL DA DEFENSORIA PÚBLICA
Poderes se unem contra a violência doméstica - Lançamento do Projeto "Homens que Agradam NÃO Agridem"
D2 Comunicação Ltda
Rua 14, nº 125-A, Bairro Boa Esperança, Cep nº 78.068-775, Cuiabá/MT CNPJ 08.604.523/0001-59. Fone: (65) 9998-9173