Cuiabá, Domingo, dia 19 de Novembro de 2017
Busca: 
Quem Somos Jurisprudência Promotoras Legais Peças Processuais Livros Projetos e Campanhas Homenagens Agenda Copevid

Homens Que Agradam Não Agridem

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
CEBRAC RECEBE PROJETO SOCIAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO
04/08/17 - 14:00 
 

 Na sexta-feira, 04 de agosto de 2017, no período vespertino, no Centro Brasileiro de Cursos - CEBRAC”, foi desenvolvido o Projeto “Homens que Agradam Não Agridem”, o qual contou com a presença de 65 (sessenta e cinco) pessoas, dentre alunos e professores.

No Centro Brasileiros de Cursos - CEBRAC”, o projeto foi desenvolvido por meio de palestras e vídeos apresentados e coordenados por Renata de Paula Teixeira (assistente social), Fernanda Denadai (psicóloga), Maria Aparecida Rodrigues (assistente ministerial) e com apoio técnico do servidor Lucas Herrero Araújo Fernandes (técnico administrativo). Tratou-se de uma oficina de atualização sobre o atendimento intersetorial a pessoas em situação de violência, voltado para os alunos e profissionais da área de educação.

Durante a apresentação do projeto foram abordados temas como a desigualdade salarial, já que existem muitas mulheres que ocupam cargos equivalentes aos dos homens no mercado de trabalho, mas não auferem a mesma renda, por entenderem que não possuem a mesma qualificação.

Na ocasião, foi falado também sobre o machismo que ainda existe com relação aos afazeres domésticos, vistos por muitos como ocupação destinada exclusivamente as mulheres, devido ao preconceito que INFELIZMENTE perdura em nossa sociedade.

Fora abordado também a questão da falta de respeito entre os parceiros, que causa traumas psicológicos e acaba desgastando o relacionamento do casal e envolvendo os filhos que crescem nesse ambiente de falta de respeito e dignidade com o próximo.

Citaram que existem casos em que algumas mulheres se acomodaram com o ciclo de violência, por temerem perder os filhos, fazendo com que se submetam as agressões físicas e psicológicas sofridas. Pois romper com a situação vivenciada não é fácil, por causa do medo da rejeição, e do sentimento de posse que existe entre os companheiros.

No decorrer das exposições o suporte da família chamou muito atenção, pois todas as mulheres que romperam os relacionamentos, nos quais vivenciavam algum tipo de violência familiar e doméstica, tiveram apoio por parte de algum membro da família, seja financeiro, ou psicológico.

Ao final, alguns alunos expuseram suas opiniões acerca do projeto realizado:


1º) Milena Carolina:

Aprendi muito causa, já que passei mas não quis comentar. Tudo que passou foi fato. Todas as mulheres não merecem passar por isso.

Quem ama cuida,

Quem ama agrada,

Dá carinho e dá calor.

 

Não sou boa com palavras” (sic)


2º) Eleinai M. Pereira:

Palestra muito boa. As palestrantes fizeram ótima introdução do assunto, foram diretas e objetivas, deram espaço para debate e tiraram as dúvidas expostas”. (sic)

 


3º-) Alessandro Jeri Müller:

De modo geral podemos dizer que foi uma boa orientação sobre o assunto, já havia participado de palestras desde mesmo assunto”. (sic) 

Nome:
E-mail:
Título:
Comentário:
Comentários Envie o seu
 
Não foi feito nenhum comentário para esta matéria até o presente momento
Mais Homens Que Agradam Não Agridem
18/09/17
PANTANAL TRANSPORTES RECEBE PROJETO DO MP
31/08/17 08:30
Clínica Femina recebe projeto desenvolvido pelo Ministério Público
29/08/17 09:00
Homens que Agradam Não Agridem é desenvolvido no CRAS do bairro CPA III
07/08/17 14:00
HOMENS QUE AGRADAM NÃO AGRIDEM É DESENVOLVIDO NA SEJUDH
04/08/17 08:00
PROJETO HOMENS QUE AGRADAM NÃO AGRIDEM É DESENVOLVIDO NO CEBRAC (MANHÃ)
26/07/17
Atacadão recebe projeto do MP
21/07/17
CRAS do bairro Dom Aquino recebe Projeto Social desenvolvido pelo Ministério Público
14/07/17
Homens que Agradam Não Agridem é desenvolvido na empresa Ábaco
25/07/17
Projeto Social é desenvolvido na Associação Matogrossense Pró-Idosos (AMPI)
14/07/17 07:00
Projeto é desenvolvido em canteiro de obras "Royal Presidente"
13/07/17
PROMOTORA PALESTRA EM CANTEIRO DE OBRAS
11/07/17 08:00
Projeto Social do Ministério Público é desenvolvido no CRAS do bairro Pedra 90
06/07/17
Projeto é desenvolvido na SEFAZ - Secretaria de Estado de Fazenda
23/06/17
CRAS PEDREGAL RECEBE PROJETO HOMENS QUE AGRADAM NÃO AGRIDEM
22/06/17
HOSPITAL JÚLIO MULLER RECEBE PROJETO HOMENS QUE AGRADAM NÃO AGRIDEM
07/06/17
Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico recebe projeto Homens que Agradam Não Agridem
06/06/17
Projeto Social do Ministério Público é desenvolvido no Hospital Universitário Júlio Muller
31/05/17
Secretaria Municipal de Educação Recebe Projeto Homens que Agradam Não Agridem
PROJETO É DESENVOLVIDO NA ESCOLA ESTADUAL LICEU CUIABANO
18/05/17
Projeto é desenvolvido na CASSI - CAIXA DE ASSISTÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO BRASIL
PALESTRA EM ENCONTRO NACIONAL DA DEFENSORIA PÚBLICA
Poderes se unem contra a violência doméstica - Lançamento do Projeto "Homens que Agradam NÃO Agridem"
D2 Comunicação Ltda
Rua 14, nº 125-A, Bairro Boa Esperança, Cep nº 78.068-775, Cuiabá/MT CNPJ 08.604.523/0001-59. Fone: (65) 9998-9173